Existem muitas maneiras de se manter equilibrado, mas hoje vou focar na questão de se manter emocionalmente equilibrado. Para isso é necessário saber que o emocional parte de nós para os outros e geralmente o que desequilibra parece que vem de fora.

E o que vem de fora são situações (que a vida coloca) ou atitudes e palavras de outras pessoas. Lidar com as situações que a vida traz, comentei no texto:  Quando agir e quando esperar.

Já as atitudes e palavras de outros é o que realmente temos como decidir e encaixar onde cabe. A primeira questão a ser observada é porque o que a pessoa diz ou fez te afeta tanto? Muitas vezes é uma pessoa que não conhecemos, no transito, por exemplo.

Quando você se altera numa situação dessa pode ter certeza de que é algo em você que não esta bem. Pode ser irritação por outros motivos, pode ser porque não aceita que estamos vivendo numa época sem respeito as regras, pode ser por muitos outros motivos, porém não lhe cabe mudar a atitude do outro.

Só podemos escolher entre respirar fundo ou se irritar.É um trabalho a ser desenvolvido em nós mesmos o habito de escolher ficar bem, também é algo a ser trabalhado a forma de pensar sobre o fato de que podemos ter autocontrole. Que não estamos a mercê do que os outros fazem ou falam o tempo todo.

Já ouvi frases do tipo: vou tratar do mesmo jeito, cada um tem de mim o que me oferece. Enfim, a escolha é de cada um, mas tem pessoas que falam isso, mas não se sentem bem agindo da mesma forma, isso não é auto respeito, não podemos definir nossa atitude e sentimento a partir dos outros se isso não nos deixa bem.

Essa questão de saber qual é o meu limite, qual é a minha opinião, qual o meu sentimento, qual o meu valor é o que deve pontuar como reagir ao que os outros fazem ou falam. Não é a atitude do outro que define o meu equilíbrio e sim a minha reação.

Enquanto não estivermos conscientes do poder que temos sobre nosso emocional estaremos a mercê de atitudes alheias e consequentemente em desequilíbrio emocional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *